Arquivo da categoria: orientação

Cursos Casais Grávidos / Gestantes 2017

Famílias, o calendário 2017 do curso Casais Grávidos já saiu! Para os papais e mamães ansiosos por saber como cuidar da gestante e depois que o bebê chegar, estamos de portas abertas.

Lembrando que recebemos também a vovó, o vovô, a madrinha, o padrinho, a titia, o titio, a amiga, o amigo, mamães independentes, tentantes e adotantes. Todos são sempre bem-vindos.

Para o primeiro semestre de 2017, teremos aulas nos dias:

JANEIRO

14/01 – Plano de parto – Tipos de Parto – Higiene do Sono – Cuidados com a Gestante – Exames do Bebê – Benefícios da Acupuntura na Gestação

28/01 – Cuidados com a Mama & Amamentação

FEVEREIRO

04/02 – Primeiros Socorros na Infância – Casa Segura

11/02 – Cuidados com o Recém-nascido

MARÇO

04/03 – Pós-parto – Shantala – Benefícios da Acupuntura para o Bebê

18/03 – Plano de parto – Tipos de Parto – Higiene do Sono – Cuidados com a Gestante – Exames do Bebê – Fisioterapia Pélvica

25/03 – Cuidados com a Mama & Amamentação

ABRIL

01/04 – Cuidados com o Recém-nascido

08/04 – Primeiros Socorros na Infância – Casa Segura

29/04 – Pós-parto – Shantala – Benefícios da Acupuntura para o Bebê

MAIO

06/05 – Plano de parto – Tipos de Parto – Higiene do Sono – Cuidados com a Gestante – Exames do Bebê

20/05 – Cuidados com a Mama & Amamentação

27/05 – Shantala – Tui Na – Aromaterapia

JUNHO

03/06 – Cuidados com o Recém-nascido

24/06 – Pós-parto – Shantala – Benefícios da Acupuntura para o Bebê

JULHO

08/07 – Primeiros Socorros na Infância – Casa Segura

22/07 – Shantala – Tui Na – Aromaterapia

parents-kissing-baby-beautiful-picture

O curso é ministrado por Márcia Madeira, Enfermeira Obstetra e Neonatologista. Possui graduação em Enfermagem Obstétrica, Neonatologia e Saúde da Família. Consultora em Amamentação, com formação no Processo e Controle de Qualidade de Leite Humano Ordenhado, professora na Capacitação de Profissionais da área da Saúde no Método Canguru/ AIDPI ( Atenção Integrada às Doenças Prevalentes na Infância), Coordenadora do Projeto Amiga da Amamentação, no Ministério do Planejamento e Consultora do Sono do Bebê pela International Maternity Institute.

Também pela profissional Michelle Hannesch, acupunturista e terapeuta naturalista. Michelle tem formação em Medicina Tradicional Chinesa, é professora de Reiki pela The International Center for Reiki Training/Michigan, terapeuta floral pela The Bach Centre/Inglaterra, especialista em Acupuntura Pediátrica sem Agulhas e Acupuntura Ginecológica. Atualmente participa do programa Anti-Tabagismo do Ministério do Planejamento.

Inscrições e informações pelo e-mail: personalmamaebebe@gmail.com e telefones/WhatsApp: (61) 98184-0069/98304-8181.

Anúncios

Curso Casais Grávidos – 02/04/2016

Nova nova turma do curso Casais Grávidos! Dia 02/04, às 9h.

Façam suas inscrições! O casal ou gestante que participar de 6 encontros ao final receberá um certificado. O valor com desconto para quem fechar o pacote trimestral é R$ 200,00, por casal.

Para participar de apenas uma aula, o custo é de R$ 40,00, o casal. Mais informações: personalmamaebebe@gmail.com.

Para as mamães e casais grávidos, mas serão bem vindos  também vovó e vovô, titia e titio, madrinha e padrinho, casais que estão tentando engravidar e famílias que estão na fila da adoção. É uma maneira de se familiarizar com a nova situação, pegar dicas, truques e tirar dúvidas referentes a esse momento tão maravilhoso no qual, a chegada de uma criança muda totalmente a rotina da família.

casais gravidos_02042016

Eu tento amamentar, mas parece que não está dando certo…

Quantas vezes você ouviu ou até mesmo pronunciou essa frase?

A idealização em torno da amamentação ronda os pensamentos de grande parte das mulheres que vão se tornar mães ou das mães de recém-nascidos. Isso porque no mundo perfeito, elas foram ensinadas a pensar que amamentar é algo fácil quando dá certo. Mas se aparecem problemas no meio deste caminho é porque a amamentação está dando errado e, nessa hora, entra em cena o salvador leite artificial (LA)! E o pior, tudo receitados pelos médicos e outras mães, e incentivado pela publicidade.

Ele deixa culpa e frustração, todas as mães que recorrem a ele dão esse depoimento, mas é o que existe, não é? NÃO, mamãe! Não é!

O Personal Mamãe Bebê SEMPRE vai incentivar mulheres a se conhecerem melhor, a buscar informação, incentivo e apoio. É a disseminação da informação que faz o mundo girar! E se você não teve a chance no primeiro filho, quem sabe no próximo? Quem sabe possa ajudar uma vizinha, uma amiga, uma prima, que estão passando pelo mesmo problema? Os grupos maternos servem para desmistificar muita coisa boba e sem fundamento que se vê por aí. Existem inúmeras maneiras de fazer dar certo a amamentação. Peça ajuda!

O universo coletivo das mulheres carrega crenças das mais absurdas, passadas de geração em geração por bisavós, avós, mães e por aí vai. Mas existem técnicas comprovadas que fazem um processo delicado de amamentação dar certo.

E os médicos? Muitos receitam o LA ao primeiro sinal de problema! Saiba que você não precisa escolher o caminho mais fácil. Apesar de não entender porque eles chamam de “caminho mais fácil”, quando o mais fácil mesmo é colocar o moleque no peito e dar de mamar em qualquer hora ou lugar, sem ter que preparar a mamadeira, esquentar o leite, lavar e esterilizar o material… Ai, já deu preguiça! rs

Pergunte, faça um exercício de autorreflexão: quando você fala que já tentou de tudo, você já tentou de tudo mesmo?

E não estamos falando das mágicas e milagrosas receitas da vovó, da comida disso, de remédios, de tomar cerveja preta ou sei lá o que mais existe de crença por aí. Estamos falando de buscar ajuda com uma consultora EXPERIENTE que vá em casa, ir você ao banco de leite público mais próximo da sua residência, falar com o pediatra que você QUER amamentar (e se ele se negar, troque de médico – eles não são deuses!). Isso é tentar tudo. Ir buscar até onde for a orientação e a ajuda necessárias para conseguir o sucesso na amamentação. Mas saber, sim, que o peito pode rachar, sangrar, você vai ficar exausta, sem dormir, mas seguir em frente, pois, com a informação correta e a ajuda necessária, o peito para de rachar, o sangue para de escorrer, a pega do bebê fica perfeita, você aprende a ordenhar para facilitar e não deixar o peito encher demais e no final, teremos uma mamãe feliz e empoderada e um bebê saudável e crescendo com o melhor alimento que o mundo pode oferecer a ele – o seu leite, mãemífera poderosa!

amamentação_mamatraca

No início, não há romance. O caos se instaura na vida de todas as mães de recém-nascidos. E é isso mesmo! Mas porque as mulheres tem o segundo filho, o terceiro? Porque foi fácil? Porque se esqueceram? Não! Elas tem porque depois que os momentos iniciais passam e toda a nova rotina se estabelece, o que fica marcado são os sorrisos do bebê, a paz que sentimos ao olhar nosso filho dormir, a felicidade de acompanhar cada evolução e descoberta dele… Essa é a realidade da maternidade!

E você só consegue combater o “não vai dar certo” com INFORMAÇÃO! Aí sim, depois de tudo, pode não dar certo. Isso também acontece. Mas depois de aprender a forma certa de fazer isso, você pode se tornar uma multiplicadora de conhecimento. Olha que coisa bonita! Pode ajudar outra mãe que não conseguiu encontrar essa informação.

O importante é você saber que SIM, existe solução para quase todos os problemas relacionados à amamentação. Bico invertido, translactação, leite empedrado, leite secando, peito rachado, mastite, peito pequeno, peito grande… Existe solução.  Procure ajuda!

 

 

Serviço de Enfermagem

Depois do nascimento do bebê, toda ajuda é importante para ajudar o bom andamento da rotina do novo integrante da família. Na fase do puerpério — período de 8 semanas após o parto — é importante estar atento a todas as questões relacionadas não somente ao bebê, mas também à recuperação da mamãe e o seu bem-estar. Contratar uma enfermeira pode ser uma boa opção para facilitar esse período.

O Personal Mamãe Bebê disponibiliza serviço de enfermeiras e técnicas de enfermagem para o seu conforto. Informações e valores pelo (61) 98184-0069.

preview2

Ajuda extra

Para os pais de primeira viagem, nos primeiros dias, essa ajudinha extra é importante para ter a certeza de que estão fazendo tudo corretamente. A enfermeira vai ajudar na amamentação e nos cuidados básicos com o bebê, mostrando a forma como cada ação deve ser realizada.

A limpeza do coto umbilical também pode ser feita (e ensinada) por ela como forma de prevenir infecções no bebê. E essa profissional ainda pode te dar informações concretas sobre mitos ou verdades da amamentação e como fazer da melhor maneira para a mãe e o filho — o que faz a presença da enfermeira crucial para o aprendizado dos pais.

Muitas vezes as mães carregam um peso maior do que deveriam apenas por não reconhecerem a necessidade de receber uma ajuda externa. Mas aceitar ajuda é um gesto de muita força! Se for esse o seu caso, não hesite em procurar alguém de confiança para reforçar os cuidados com o seu filho.

Podemos te ajudar nessa escolha! Agende um horário com nossa enfermeira Márcia Madeira, pelo telefone (61) 8184-0069 ou pelo e-mail personalmamaebebe@gmail.com.

 

OFICINA DO SONO DO BEBÊ E CRIANÇAS DE 0 A 5 ANOS

Se você acha que seu bebê tem problemas para pegar no sono, acorda muitas vezes a noite fora do período de mamadas, acorda muito cedo , não consegue pegar no sono durante o dia, ou tem sonecas muito curtas, você precisa participar da Oficina do Sono Infantil que o Personal Mamãe Bebê está trazendo para o Brasil. O curso será com a Doula e consultora do sono materno-infantil, Marcia Horbacio, vinda diretamente do Canadá.

Currículo do instrutor
Marcia é consultora de sono Materno-Infantil é certificada pela IMPI, International Maternity and Parenting Institute na Califórnia e Doula pós-parto certificada pela Cappa. Marcia tem treinamento sobre os efeitos da privação do sono pela Harvard Medical School. Marcia é também instrutora formadora de outras consultoras de sono pela IMPI. Marcia mora e trabalha em Toronto –Canadá há quinze anos onde opera a empresa canadense Nannies and Doulas On Call que oferece pós-parto suporte e consultoria do sono. Marcia trabalhou mais de 18 anos com educação de adultos numa empresa estatal no Brasil com formação na área de administração de pessoal e também está terminando uma segunda formação em psicologia.
Marcia participou por 2 meses como consultora de sono do programa Bem Estar da Rede Globo na série “Meu filho não dorme.”
Marcia trabalha oferecendo consultoria do sono por email e Skype personalizada para pais e já trabalhou com famílias em 16 países diferentes.

A oficina tem a duração de 2.5h-3h horas.

Todos os pais que participarem da OFICINA , além de aprenderem técnicas de sono também terão direito a 30 dias de consultoria do sono por e-mail com a consultora do sono, o que significa que se quiserem colocar em prática as técnicas aprendidas na oficina , ainda contarão com o apoio da consultora depois do curso.

Assuntos que serão abordados e discutidos no curso:

  1. Os principais problemas de sono das crianças
  2. Por que meu filho não dorme de dia? Como ajudar meu filho a fazer sonecas mais longas?
  3. As batalhas na hora de dormir e como ensinar meu filho a ir para a cama sozinho e feliz
  4. Como tirar aquelas mamadas a noite que servem apenas para confortar e não para realmente mamar, fazendo isso de forma gradual?
  5. Eu devo ensinar meu filho a dormir? É melhor deixar ele fazer isso sozinho? Quais as consequências de uma privação de sono prolongada na saúde?
  6. Educação e treinamento de sono – Os prós e contras
  7. Educação e treinamento de sono – Quais os melhores métodos?

Investimento: R$ 495,00 pagos em duas parcelas (para inscrições feitas até 10/11). A participação pode ser do casal.

As inscrições serão pelo e-mail: nanniesanddoulas@live.com.

Informações: (61) 8184-0069

Data do curso: Dia 12 de dezembro, sábado, às 9 horas da manhã.

Esperamos você lá!

oficina_sono_personal_mamae_bebe.002

Curso de Casais Grávidos II

Um dos momentos mais mágicos e sublimes na vida de um casal é o nascimento de um filho, sempre cercado de muita expectativa e muito valor. A gestação deve ser um período tranquilo e sem trauma, algo emocionante e alegre que proporcione lembranças agradáveis para o resto da vida do casal.

Para isso, a enfermeira obstétrica e especialista em saúde da família, Márcia Madeira, idealizadora do Personal Mamãe Bebê, criou o curso Casais Grávidos, que tem como objetivo, preparar o casal, com aulas direcionadas e as informações mais importantes da gravidez, parto e pós-parto. Além do conteúdo teórico, aulas práticas e técnicas são oferecidas para o papai e a gestante.

curso gestante 2

 

Nosso próximo curso será no dia 13 de junho, às 09h, no Mafagafo Babycare, 704 Norte, Asa Norte – Brasília/DF. Será cobrada uma taxa simbólica de R$ 30,00 e o tema principal será cuidados com o bebê, mas abordaremos outros pontos importantes da gestação e sobre amamentação.

As inscrições devem ser feitas pelo e-mail: personalmamaebebe@gmail.com.

As gestantes poderão conhecer serviços especiais de nossos parceiros.

Esperamos vocês!

Espante as alergias de dentro de casa

Casa Doente, Familia Doente

brasil sem alergiaCom mais de 120 mil atendimentos gratuitos realizados – equivalente à população de Resende (RJ), o Brasil Sem Alergia é um projeto social que oferece variados procedimentos de prevenção, combate e controle de processos alérgicos e de doenças ligadas ao sistema imunológico. Infelizmente, o projeto só realiza atendimentos nos estados do Rio de Janeiro e Paraná, mas você pode saber como deixar a casa livre de processos alérgenos e encontrar mais dicas no site do projeto: www.brasilsemalergia.com.br

Two children stand in an urban setting, one sneezing into their elbow, the other holding a bottle of soapless hand cleanser.

Espante as alergias de dentro de casa

Os incômodos processos alérgicos podem ser desencadeados por diferentes fatores como alterações climáticas, sedentarismo e estresse, mas também surgem pelo contato direto com partículas e micro organismos (alérgenos) presentes por toda parte em nossos lares. De acordo com o coordenador técnico do Brasil Sem Alergia, o alergista Marcello Bossois, os alérgicos, que já chegam a 35% da população brasileira (dados da Organização Mundial da Saúde – OMS), devem estar atentos a três importantes medidas para o controle do problema. Para ele, o tratamento consiste em um tripé terapêutico, baseado no controle alimentar e na administração de imunoterapia (vacinas contra as alergias), mas sem jamais esquecer de um criterioso e indispensável controle do ambiente doméstico – eliminando de casa o que pode produzir a doença.

O controle ambiental passa por medidas que irão auxiliar a exterminar os maiores vilões daqueles que tossem, espirram, se coçam e até respiram mal. E alguns dos maiores causadores destes sintomas estão presentes justamente dentro de casa, ambiente mais poluído que frequentamos, como os ácaros, poeira, mofo e alguns tipos de fungos. Determinadas mudanças na arrumação, nos hábitos, limpeza e faxina do lar produzirão um ambiente menos alergênico e mais saudável para toda a família.

Mantendo a alergia longe do quarto

Dentre os cômodos a serem arrumados, o ambiente de dormir requer uma atenção especial, sobretudo em virtude da grande quantidade de horas que as pessoas permanecem nele. A cama, por exemplo, reúne as condições perfeitas (temperatura, umidade e escamação de pele humana) para o desenvolvimento de colônias de ácaros, fungos e mofos, organismos abominados pelos alérgicos. “Todas as noites depositamos em nossos colchões e travesseiros queratina da pele descamada, o alimento preferido dos ácaros, formando uma verdadeira fábrica destes vilões e perpetuando dentro de casa os quadros de alergias”, alerta Marcello. Esta forração é muito eficaz no tratamento, comenta, já que cria uma barreira entre o corpo e estes objetos, além de evitar a proliferação destes grandes alérgenos.

Alguns itens devem ser evitados na maior parte possível dos aposentos de casa, principalmente no quarto daqueles que já apresentam manifestações da doença. Especialistas defendem que os pacientes que possuem alergias respiratórias como rinites, bronquites, sinusites e faringites devem abolir cortinas de pano, carpetes, tapetes, bichos de pelúcia e até evitar a presença de plantas no ambiente de dormir. E muita gente sofre deste mal: dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que um em cada sete pessoas apresenta alguma alergia respiratória, sendo a asma a responsável por afetar, segundo um recente levantamento do Ministério da Saúde e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aproximadamente 6.4 milhões de brasileiros acima de 18 anos.

10 dicas de limpeza e arrumação para as casas dos alérgicos:

– Evitar o uso de vassouras – dar preferência ao aspirador de pó;

– Utilizar pano úmido na limpeza dos ambientes;

-Trocar produtos químicos de odor intenso por detergentes biodegradáveis ou álcool;

-Eliminar os amaciantes de roupa e sabão em pó comum, substituindo-os pelo sabão de coco na forma líquida, em pó ou em barra;

-Acabar com o acúmulo de jornais e revistas;

-Arejar bem os cômodos;

– Evitar irritantes respiratórios como tintas, ceras, removedores e produtos químicos de cheiro forte;

– Eliminar ao máximo fumaça de cigarro

– Persianas devem entrar no lugar das cortinas de pano;

– Jamais fazer uso de travesseiros de pena ou de pluma, uma vez que estes são ricos em queratina – alimento preferido dos ácaros.

Fonte: Brasil Sem Alergia

Dicas sobre amamentação

Leite de vaca integral deve ser evitado durante o primeiro ano do bebê. Não adianta diluir em água, pensando que assim ele ficará mais palatável ao bebê.

O leite de vaca é muito rico em proteínas que o organismo do bebê não está preparado para processar em quantidades elevadas. O resultado é a possibilidade de um quadro de alergia alimentar.

Breastfeeding-mama

As mães que amamentam devem lembrar que o leite materno é digerido muito rapidamente, por isso os bebês podem querer mamar com um intervalo menor de tempo. Não se pode adotar como regra a amamentação a cada três horas, como se pregava antigamente. Cada bebê tem um ritmo diferente. Por isso a livre demanda é recomendada.

O uso de chás

Toda mãe já ouviu da vovó que devia dar chá para melhorar as temíveis cólicas. Ao invés de chás, a recomendação é fazer uma “ginástica” com os bebês. Dobre as perninhas em direção à barriga para ajudar a eliminar os gases. Chás tão cedo podem prejudicar o intestino das crianças. O aleitamento materno deve ser o único alimento até os seis meses de vida, pois ele fornece tudo o que o bebê precisa nesse período.

breastfeeding1

1º Congresso Nacional Online de Prevenção e Combate à Obesidade Infantil

Há alguns dias, o vídeo da primeira-dama americana, Michelle Obama, dançando na tradicional festa de Páscoa da Casa Branca ao som da música Uptown Funk, bombou nas redes sociais. A dança ocorreu após Michelle lançar a campanha ‘Let’s Move!’ contra a obesidade infantil nos EUA. O objetivo era estimular a alimentação saudável e a prática de exercícios.

Aqui no Brasil teremos em breve o primeiro Congresso destinado aos responsáveis pelas crianças (aos pais, avós, tios, padrinhos, professores e etc.), totalmente gratuito e online, e que abordará tanto o lado preventivo, como o tratamento da Obesidade Infantil.

10959899_860880363934415_4515593213619912666_n

O evento será realizado entre os dias 28 de abril a 04 de maio e contará com palestras de especialistas de renome e audiência (pediatras, nutrólogos, nutricionistas, psicólogos, educadores físicos), conforme programação disponível no site do evento (www.conapcoi.com.br).

O Congresso seguirá o formato de palestras pré-gravadas, com duração média de 50 minutos cada. Serão 21 palestras, divididas em 7 dias, com 3 palestras online em cada dia.

Durante os dias do Congresso, o acesso às palestras será gratuito para todos os inscritos que assistirem nos horários pré-agendados.

INSCREVA-SE AGORA ☛ www.conapcoi.com.br